30 mar. 2016

Bolo de Laranja

Esse Bolo de Laranja é um daqueles bolinhos simples e delicioso para tomar com café preto, sabe?! Além disso, é uma nova opção para “fugir” dos de sempre bolo de chocolate e bolo de cenoura, né?

Vi essa receita no Instagram (@casa.damary) e amei! Realmente fica muito cheiroso e fofinho. Vamos lá?

 

bolo de laranja
Bolo de Laranja de Liquidificador

 

Ingredientes para o Bolo de Laranja:

 

  • 1 laranja pêra (aquela que usa para suco, da casca fina) bem amarelinha
  • 4 ovos
  • 1/2 copo de óleo
  • 2 xícaras de açúcar
  • 1 caixinha de creme de leite
  • 2 xícaras de farinha de trigo
  • 1 colher (sopa) de fermento em pó (Royal)

 

Preparo do Bolo de Laranja:

 

  • Pré aqueça o forno em temperatura máxima. Unte e enfarinhe a forma que for usar para assar.
  • Corte a laranja em 4 partes e retire as sementes e toda a parte branca, mantendo a casca e a polpa. Não fica amargo por causa da casca, fica uma delícia, mas tem que ser a laranja pêra.
  • Bata no liquidificador até ficar tudo muito bem triturado: a laranja, os ovos, o óleo, o açúcar.  Adicione o creme de leite e bata até se que se misture.
  • Em uma travessa ou bacia, adicione a farinha e o conteúdo batido no liquidificador e misture tudo muito bem batendo com um fouet. Adicione o pó Royal e misture delicadamente.
  • Transfira a massa para a forma já untada e leve ao forno por 35 a 40 minutos em 180ºC. Eu deixo os primeiros 5 minutos em temperatura alta e depois abaixo, deixando até dourar.
  • Lembre-se que cada forno rege de uma maneira, então próximo do tempo indicado, quando o bolo já estiver douradinho faça o teste do palito para ter certeza que está pronto.

 

Acho muito legal sempre fazer um bolinho para quando vamos receber visitas em casa, além disso, esse é perfeito para o café da manhã ou café da tarde, não é mesmo?

Leia Mais

30 mar. 2016

Abobrinha Caprese

Esses dias fiz essa Abobrinha Caprese para o jantar. Se você está procurando uma receitinha fácil, light e saborosa para almoço ou jantar do dia a dia, essa aqui é uma boa opção, não suja quase nada e fica pronta bem rapidinho.

 

Por falar em Caprese, você sabia que esse nome se dá a combinação dos ingredientes tomate, mussarela (geralmente de búfala) e manjericão? É uma salada clássica italiana, da ilha de Capri, que acabou derivando muitas receitas Caprese: macarrão, pizza, molho, sanduíche… Inclusive, já coloquei aqui no blog uma receita de Risoto Caprese deliciosa, inspirado no que o querido Claude fez no Que Marravilha, programa que eu amo!

 

abobrinha caprese
Abobrinha Caprese

Ingredientes para Abobrinha Caprese:

 

  • 2 abobrinhas verdes cortadas ao meio
  • Mussarela de Búfala (umas 4 bolinhas) cortadas em rodelas
  • Tomatinhos Sweet Grape cortados ao meio ou em rodelas
  • Folhinhas de Manjericão
  • Azeite de oliva (usei com alho)
  • Sal e pimenta do reino a gosto.

 

Preparo da Abobrinha Caprese:

 

  • Pré aqueça o forno a 200°C.
  • Coloque as abobrinhas cortadas ao meio em um saquinho de verduras e leve ao microondas por 2 minutos.
  • Aqueça uma frigideira e adicione um fio de azeite de oliva. Grelhe as abobrinhas dos dois lados até ficarem douradinhas.
  • Coloque as abobrinhas em uma travessa que possa ir ao forno. Tempere com sal e pimenta do reino. Adicione as rodelas de mussarela, e por cima os tomatinhos. Tempere com mais uma pitada de sal e pimenta do reino, um fio de azeite, e leve ao forno até que o queijo se derreta.
  • Adicione o manjericão quando tirar do forno e sirva.

Ah, fica perfeito para acompanhar um peixinho simples grelhado, apenas temperado com sal e pimenta do reino.

Leia Mais

30 mar. 2016

Quiche de Tomate Seco e Rúcula

Oi gente linda, tudo bem? Hoje vamos fazer uma Quiche de Rúcula e Tomate Seco.

A receita da massa é a mesma que já ensinei aqui no blog na quiche de Alho Poró. Mas hoje vim mostrar pra vocês essa nova opção de recheio, e dar mais algumas diquinhas.

 

Quiche de Rúcula e Tomate Seco
Quiche de Rúcula e Tomate Seco

 

Ingredientes para a massa:

 

– 250 g de farinha de trigo
– 125 g de manteiga com sal
– 1 ovo inteiro
– 2 colher de sopa de água GELADA para dar “liga” na massa

Preparo da Massa:

– Junte a farinha, manteiga e ovo até formar uma farofa.
– Acrescente as duas colheres de água gelada e amasse bem para dar liga.
– Obs: é amassar e não sovar, tá? Amassar delicadamente formando uma bolinha! (Se não for usar assim que terminar, embale em plástico filme até a hora de usar para que a massa não resseque).

 

Ingredientes para o recheio:

– 3 ovos
– 1 xícara 1/2 de creme de leite fresco
– 100 g de mussarela ralada
– 2 colheres de sopa de queijo parmesão ralado
– Sal, pimenta e noz moscada a gosto

 

– 1 potinho pequeno de Tomate seco: escorrer todo o óleo e cortar os tomates em cubinhos pequenos.
– 1/3 de um maço de rúcula picada

 

OBS:

Os primeiros ingredientes acima são a base para qualquer recheio de quiche. Após misturar muito bem com um fouet, você pode adicionar ali o ingrediente que quiser para definir o sabor da quiche. Como Alho Poró, Bacon, Cogumelos… Ou nesse caso, tomate seco e rúcula.

 

Modo de preparo do recheio:

– Com um fouet, bata os ovos e o creme de leite fresco.
– Adicione os queijos, o tomate seco e a rúcula e misture.

 

Montagem da quiche:

– Abra a massa com as mãos numa forma redonda de 22 cm, montando o fundo da torta e a lateral.
– Coloque o recheio e leve ao forno por + ou – 30 min (de 25 a 30) numa temperatura de 180 graus até dourar.
– É importante lembrar que cada forno reage de um jeito, por isso, fique atenta para não queimar ou para não tirar a quiche antes da hora.

 

quiche
Faça furinhos com um garfo para a massa não estufar e ficar mais crocante!

 

quiche
Depois de colocar o recheio, é só levar ao forno para dourar.

 

Dicas da Bru:

– Diferente da quiche de alho poró, que eu assei diretamente com recheio, nessa de tomate seco eu pré-assei a massa. Para isso, ao abrir na forma, fiz furinhos com um garfo, forrei com papel alumínio e preenchi com feijões (pode cozinhar normalmente depois). Levei ao forno por 10 minutos, depois tirei os feijões e o alumínio, deixei esfriar um pouquinho, coloquei o recheio e levei novamente ao forno até tudo estar bem douradinho. Sinceramente? Ficou crocante, mas acho que assando direto também ficou. Não senti muitaaa diferença não. Mas você pode testar dos dois jeitos e ver qual prefere.

 

– Tem que pesar os ingredientes, gente! Ou você tem um medidor muito, muito bom, ou compre uma balancinha… A minha eu paguei R$20 e é ótima, tira tara e tudo!

 

– Creme de leite fresco, aquele da garrafinha. Sabe pq?! O creme de leite fresco possui alto teor de gordura (35% = o dobro do que o da caixinha), e em algumas receitas – como essa, é essencial para que reaja de forma positiva e não talhe. Agora, algumas marcas tem creme de caixinha “Gourmet”, sei que a Piracanjuba tem, eles tem 30% de gordura, e dai sim podem substituir o fresco.

 

– Recheios: Super da pra arrasar nos recheios. Só se lembre de não usar nada que solte muita água (como abobrinha, por exemplo), pois vai amolecer o recheio, molhar a massa e sair tudo errado. Quero testar uma próxima vez com Bacalhau. Se quiser fazer de cogumelos, tem que refogar eles, esperar secar todinha a água, e esfriar, ok?!

 

– No forno o recheio fica “estufadinho”, bem fofo, depois quando tiramos ele abaixa. Isso é completamente normal, toda quiche se comporta dessa maneira.

 

 

Leia Mais

07 mar. 2016

Receber amigos em Noite de UFC

Receber amigos em casa em casa é um dos nossos programas preferidos. No fim de semana, recebemos alguns amigos para assistir a luta, tomar uma cervejinha e conversar. Como queria uma coisa mais descontraída, resolvi fazer uma mesa com alguns petiscos, e é claro, vou dividir tudo com vocês, pois se vocês também gostam de receber amigos em casa, essa é uma opção muito legal!

 

A luta principal foi um fiasco, mas a nossa noite foi super animada! Rsrs

 

Mesa de Petiscos para Receber Amigos

 

12789746_1088301417886736_863609133_o
Mesa de Petiscos para receber amigos

 

Usei uma toalha impermeável prateada, com um vasinho de astromélias e velas para decorar o centro. Usei louça branca para dispor as comidinhas (essa hora ainda estava faltando a carne de onça e franguinho). Deixei à disposição os copos para cerveja, pratinhos para ficar mais confortável para se servir, e guardanapos de papel mesmo, tudo muito casual. Ah, quem escreveu na plaquinha de quadro negro foi meu marido! Eu não tenho paciência e escrevo tudo feio! Rsrs

Acho uma mesa assim muito bonita e prática para receber amigos em casa. Cada um pode se servir no momento que quiser, ficar conversando, tomando cervejinha, tudo bem descontraído para uma noite dessas.

 

Vamos ver as receitinhas?

 

Carne de Onça

 

Carne de Onça Curitibana
Carne de Onça Curitibana

 

Esse é um petisco tradicional aqui de Curitiba, tem em quase todos os bares (os melhores que já provei aqui foram: Mercearia Fantinato, Boteco de Sampa e Bar do Alemão), e a maioria de nós ama!! Bom, eu sou uma pessoa mais do que suspeita para falar, pois AMO coisas cruas! Amo não, sou doente. Rsrs. Sinto necessidade de comer quibe cru, sashimi, carne de onça, carne bem mal passada… Não consigo passar muitos dias sem comer algo cru. Rsrs

 

Ingredientes:

 

  • 500g de patinho moído 3x (super fresco e super limpo, sem nenhuma gordurinha, comprado no seu açougue de confiança o mais próximo do preparo possível)
  • 1/2 cebola média ralada ou moída
  • 3 dentes de alho bem moídos
  • 1 dose conhaque
  • 1 colher (cafézinho) de páprica (usei picante defumada)
  • 1 colher (cafézinho) de pimenta calabresa
  • Sal
  • Pimenta do reino
  • Muito azeite de oliva (tipo 1/2 xícara daquela de cafézinho)
  • 1 maço de cebolinha verde (gosto da fininha) bem picadinha
  • Quadradinhos de pão preto para acompanhar

 

Preparo:

 

  • Esse prato, você faz bem na hora de servir, na frente dos seus convidados, ta?!
  • Espalhe a carne em uma travessa. Salpique todos os ingredientes, menos a cebolinha verde e o pão, pela carne misture muito bem, com a ajuda de dois garfos.
  • Espalhe a carne novamente, deixando o mais certinho possível na travessa. Salpique a cebolinha verde por cima de tudo.
  • Sirva ao lado do pão preto e mais azeite de oliva para acompanhar.

 

Bom demais, sempre sucesso garantido.

 

 

Enroladinhos Folhados de Linguiça Blumenau e Gorgonzola

 

Rolinhos Folhados
Rolinhos Folhados: Um dos preferidos da turma, perfeito para receber amigos!

 

Esse foi um teste e um sucesso da noite! Realmente ficou uma delícia, todos aprovaram.

 

Ingredientes:

 

  • 1 retângulo de massa folhada Arosa. (Abrir mais ou menos 50cm do rolo) Quem não conhece, clica aqui e veja a Placa ou Rolo.
  • 1 linguiça Blumenau sem pele e cortada em cubinhos bem pequenos
  • 1 triângulo de queijo gorgonzola cortado com cubinhos bem pequenos
  • 2 colheres (sopa) de mostarda dijon

 

Preparo:

 

  • Abra a massa em cima do seu próprio plástico, corte o tamanho que desejar e guarde o restante bem fechadinho para que não resseque e estrague.
  • Passe a mostarda dijon na massa aberta e espalhe a linguiça e gorgonzola em cubinhos.
  • Com a ajuda do plástico, enrole como se fosse um rocambole, bem apertadinho.
  • Cubra bem com plástico filme e leve a geladeira para firmar bem.
  • Na hora de servir, pré aqueça o forno em temperatura média e unte uma forma com azeite. Retire o “rocambole” da geladeira e com uma faca bem afiada corte em fatias de 2 dedos de espessura. Coloque na forma e asse até dourar.

 

Wrap de Salmão Defumado

 

Wrap de Salmão Defumado
Wrap de Salmão Defumado: Fácil e phyno!

 

Ingredientes:

 

  • 4 discos de Rap10 (pode ser pão árabe também)
  • 100g de salmão defumado cortado em tirinhas
  • 4 folhas de alface americana
  • 4 colheres (sopa) de cream cheese Philadelphia
  • Cebolinha verde bem picadinha

 

Preparo:

 

  • Em uma frigideira quente, toste os dois lados dos discos de Rap10.
  • Passe cream cheese e salpique a cebolinha verde, alface, e tirinhas de salmão em cada disco.
  • Enrole bem apertadinho e espete com 4 palitinhos: dois no centro, e dois nas extremidades do rolinho.
  • Com uma faca bem afiada, corte entre os palitinhos, cuidando para ficar mais ou menos do mesmo tamanho.
  • Prontinho! Coloque em um prato bonito e sirva. Ou leve a geladeira bem coberto com um saquinho de verduras até a hora de servir.

 

Chicalo Wings

 

Chicalo Wings
Receber amigos: Chicalo Wings

 

Hahahaha O nome é uma brincadeira nossa, pois quem adora e faz as receitas americanas é nosso amigo Chicão, por isso aqui, ao invés de Buffalo Wings, tem Chicalo Wings! Rsrs E como a gente é fitness (#sqn #sqnunca #sqjamais), nosso franguinho é assado, e não frito. Vamos ver a receita do Chico?

 

Ingredientes Wings:

 

  • 1 kg de frango em pedaços já temperado (pode ser tulipinha, ou coxinha da asa, ou melhor ainda: metade de cada)
  • 100g (1/2) tablete de manteiga derretida
  • Molho Frank’s Red Hot Sauce Original
  • Vinagre de vinho branco

 

Preparo:

 

  • Assar o frango em temperatura média até estar bem douradinho e a pele crocante.
  • Em uma travessa, coloque bastante molho Frank’s, umas gotinhas de vinagre, e a manteiga: tudo aos poucos para provar o molho e ir ajustando. Prove com um pedacinho de frango para ver se está do seu gosto. A manteiga serve para cortar o ardido da pimenta e o ácido do vinagre.
  • Quando ajustar o molho, adicione todos os pedaços de frango, misture bem, passe em uma travessa para servir. Sirva com molho Blue Cheese (abaixo).
  • É um pouquinho difícil de explicar, pois tem que ir provando mesmo… Se quiser ver como se faz, nos baseamos nesse vídeo.

 

Molho Blue Cheese:

  • Misturar muito bem:
  • 2 colheres (sopa) de maionese
  • 2 colheres (sopa) de cream cheese ou iogurte grego
  • 1 triângulo de Gorgonzola ou Roquefort esmagado com o garfo
  • Gotinhas de vinagre de vinho branco
  • sal e pimenta do reino
  • Cebolinha verde bem picadinha
  • De ficar muito consistente, adicionar leite integral ou creme de leite até atingir a consistência desejada.

O Chico usou esse vídeo como referência para fazer o molho blue cheese.

Bratwurst Acebolada (Salsishão Alemão)

 

Bratwurst Acebolada
Receber amigos: Bratwurst Acebolada

 

Bratwurst é aquela linguiça/salsicha alemã laranjada. Você encontra em vários super mercados e alguns açougues especiais. Esse dia, usamos apenas essa linguiça, mas você pode adicionar a Weisswurst, que é a salsicha alemã branca, e até fazer um mix com as alemãs e as nossas Blumenau, Calabresa, etc. Das artesanais, please né gente… Nada daquelas linguiças industriais do mercado que a gente nem sabe o que tem dentro, eca! Vai comprar lá na feirinha da sua cidade e seja feliz!  🙂

 

Ingredientes:

 

  • 1 kg de Bratwurst cortada em rodelinhas
  • 2 dentes de alho bem picadinhos
  • 3 cebolas grandes cortadas em fatias grossas
  • 1 fio de azeite de oliva
  • Pão e molhinhos para acompanhar (Mostardas, Pimentas, Barbecue…)

 

Preparo:

 

  • Em uma panela bem quente, adicione o azeite, a cebola e o alho. Deixe murchar e dourar bem, de preferência deixando o fundo da panela douradinho.
  • Adicione a linguiça em rodelas e refogue até dourar, adicionando água aos pouquinhos para que o fundo solte e não queime.
  • Sirva ao lado de pãezinhos e molhos que preferir.

 

Foi uma noite super gostosa. E o legal é que todas as comidinhas (com exceção da carne de onça) você pode fazer antes e deixar tudo prontinho.

 

Ahhh, quase esqueci de falar: Tirei a ideia dos enroladinhos folhados e o Wrap de Salmão defumado enquanto navegava por um blog que eu adoro, chama A Vida Francesa. Quem escreve é a Luciana, brasileira que mora na França há anos. Além de várias dicas de Paris e da França, tem várias receitinhas tradicionais, e até um pouco da história delas, que eu amo conhecer! Vale a pena dar uma passeada nesse blog!

 

Leia Mais