30 ago. 2017

Risoto de Mascarpone, Bacon e Tomilho

Que eu amo risoto não é novidade! Mas esse Risoto de Mascarpone, Bacon e Tomilho conquistou a turma aqui, boatos que foi o melhor ou um dos melhores que já fiz. Ah, e com aspargo na manteiga em cima, por favor!

 

Risoto de Mascarpone, Bacon e Tomilho
Risoto de Mascarpone, Bacon e Tomilho

 

Ingredientes para o Risoto de Mascarpone, Bacon e Tomilho

Serve 4 pessoas

 

  • 300g de arroz arbóreo ou carnaroli (prefiro carnaroli)
  • 1 cebola bem grande e bem picadinha
  • 200g de bacon magro (hahaha) – digo mais carne e menos gordura – picadinho o menor que conseguir
  • 1 xícara e 1/2 de vinho branco seco
  • 1 pote de mascarpone (200g)
  • 4 colheres (sopa) de manteiga
  • 3 galhos (grandes) de tomilho fresco
  • um fio de azeite de oliva
  • 1 xícara de queijo Grana Padano ralado fino
  • mais queijo Parmesão ou Grana Padano ralado para servir a parte
  • 1 1/2 litros de Caldo Caseiro para Risoto

Preparo do Risoto de Mascarpone, Bacon e Tomilho

 

  • Em uma panela quente, doure o bacon em um fio de azeite de oliva. Retire o bacon e escorra em papel toalha para ficar bem sequinho, mantendo a gordura que soltou na panela.
  • Adicione 1 colher de manteiga e um fio de azeite de oliva e doure a cebola junto com o tomilho até que ela murche bem. Você pode adicionar aqui um pouquinho do caldo, assim a cebola cozinha e depois doura, o que faz com que ela fique bem molinha.
  • Adicione o arroz e refogue até os grãos ficarem esbranquiçados.
  • Adicione o vinho e mexa. Mexendo, espere o álcool evaporar e o vinho secar quase que por completo.
  • Comece a colocar o caldo aos poucos – concha a concha – conforme for secando. Mexendo sempre. O cozimento dura cerca de 18 a 20 minutos, cozinhando sempre em fogo médico/baixo, e o ponto ideal é o al dente (quando por dentro ainda está um pouquinho firme).
  • Prove o ponto do arroz, e se estiver bom vamos finalizar: Desligue e adicione 3 colheres de manteiga bem gelada, e o queijo ralado mexendo vigorosamente para emulsionar bem. Coloque então 1 concha de caldo, o mascarpone e o bacon e misture novamente. Feche a panela e espere 2 minutos antes de servir (o risoto sempre pede esse tempo de pausa antes de servir!) Prove e regule o sal. Retire os galhos de tomilho antes de servir.

 

Como fazer os Aspargos na manteiga:

 

  • Primeiro opte pelos aspargos mais finos.
  • Enxágue-os em água corrente e descarte as pontas (de baixo) esbranquiçadas (ou melhor, guarde para fazer um caldo caseiro!).
  • Vamos branquear esses aspargos: Ferva uma água com 1 colher de sal. Quando estiver fervendo bem adicione os aspargos e conte 20 segundos (exatamente!).
  • Transfira-os imediatamente para uma bacia com água gelada e gelo. Deixe alguns minutinhos para resfriar bem e escorra. Reserve até a hora de usar. Pode fazer isso até no dia anterior se quiser.
  • Na hora de servir tempere os aspargos com sal e pimenta do reino. Em uma frigideira derreta uma colher de manteiga e um fio de azeite de oliva. Salteie os aspargos ali e sirva e cima do risoto. Pode ser feito dessa maneira para acompanhar carnes também.

Obs:

Quem me inspirou com essa combinação foi a chef Cecília de Araújo. Acompanho o trabalho dela pelo Instagram e amo! Se Goiânia não ficasse tão longe de Curitiba com certeza iria fazer umas aulinhas com a chef Cecília, pois AMO APRENDER coisas novas, e aperfeiçoar as que já sei, e ela tem tantas, mas tantas dicas legais e ensinamentos para passar, que acho que teria que ser um curso intensivão! Hehehe

 

Façam esse risoto e me contem, tá?!

 

Beijos,

Bru.

Leia Mais

21 nov. 2016

Macarronese – Maionese de Macarrão

 

Gente, eu amo macarronese! Hahaha com uma carne assada, arroz e feijão… Ahhhh, é muito bom!

 

Essa é uma receita simples, mas que é uma delícia para dar uma variada na maionese de batatas que costumamos fazer…

 

Macarronese
Macarronese

 

Ingredientes para a Macarronese:

 

  • 1 xícara de macarrão Ave Maria
  • 1 cenoura (pequena) ralada bem fininha
  • 1 tomate (sem semente) bem picadinho
  • Salsinha bem picadinha (cebolinha também, se quiser)
  • 1 dente de alho (pequeno)
  • 1 fatia de cebola
  • 1 ovo cru inteiro
  • 1 ovo cozido
  • 1 colher (cafezinho) de mostarda Dijon
  • 1/2 xícara (cafezinho) de leite integral
  • Suco de 1 limão Taiti
  • Óleo quanto baste
  • Sal

 

Como Fazer Macarronese:

 

  • Cozinhe o macarrão em água fervente salgada. Escorra e misture em uma travessa ou tigela com a cenoura, tomate, salsinha e coloque na geladeira.
  • No liquidificador, coloque o alho, cebola, mostarda, ovo cru inteiro, a gema do ovo cozido, o suco do limão, o leite, e sal.
  • Tampe o liquidificador. Ligue na velocidade baixa e vá colocando óleo pelo buraquinho da tampa, aos poucos, em um fio fino.
  • Dentro de alguns minutos vai engrossar bastante e virar uma maionese. Você vai perceber pq muda o barulho do liquidificador, ele até “trava” quando o molho fica pronto.
  • Pique a clara cozida do ovo e misture com o macarrão e a maionese feita no liquidificador.
  • Cubra com plástico filme e leve para gelar um pouco.
  • Se sentir que ficou um pouquinho seco na hora de servir, pode adicionar um tantinho de leite para ficar mais cremoso.

 

Esse dia eu fiz em um domingo para comer com arroz e feijão fresquinho, e uma carne de porco assada. Ficou delíciaaaaa!

 

Espero que tenham gostado e que façam em qualquer domingão ai na casa de vocês! Não esqueçam de me mandar foto pelo IG ou Facebook dai, tá bom?!

 

Beijos,

Bru.

Leia Mais

28 set. 2016

Molho de Mostarda Dijon Para Carnes

 

Eu amo esse molho de mostarda dijon!

 

É claro que existe uma outra versão bem mais simples, misturando a mostarda e creme de leite na frigideira que a carne foi grelhada… Preciso postar esse ai pra vocês também, mas essa versão aqui é bem mais top e rende um montão! Além disso, é um prato que impressiona, mas é bem fácil, o único trabalho maior mesmo é fazer um molho branco antes…

 

Fica perfeito com carnes grelhadas, principalmente medalhão de mignon, mas até em um franguinho vai bem…

 

Fiz inspirado no prato Filleto Mostarda con Ravioloni do restaurante Barolo Trattoria, e olhe, ficou delicioso… O ravióli vamos deixar para outro post, para esse não ficar tão grande, e focarmos apenas no molho, ok?!

 

Molho de Mostarda Dijon
Molho de Mostarda Dijon

 

Ingredientes para o Molho de Mostarda Dijon:

 

Para 8 pessoas:

 

  • 500ml de Molho Béchamel (branco) pronto. (é só clicar ali no link que diz Molho Béchamel para ver a receita passo a passo)
  • 700g de creme de leite fresco – aquele que fica refrigerado. Eu usei 2 potes desse da Qualitat, que pra mim é o melhor dos frescos!
  • 250 ml de vinho branco seco
  • 1/2 onion piquet (1/2 cebola com 1 folha de louro espetada com 3 cravinhos)
  • 2 colheres (sopa) de Mostarda l´ancienne (a que tem sementinhas)
  • 4 colheres (sopa) de Mostarda Dijon Originale (a cremosa, amarela clarinha)
  • Sal
  • Pimenta
  • Noz Moscada
  • Opcional: 50g de queijo provolone ralado fininho. – Eu não coloquei esse dia porque esqueci totalmente de comprar, mas da próxima vez vou colocar com certeza.

 

Essas foram as mostardas que usei, adoro essa marca. A Dijon Originale meu marido que foi comprar, a hora que vi o preço me assustei, mas tem ela em um potinho de vidro igual essa l´ancienne que é metade do preço!

 

Mostarda Dijon e l´ancienne da Maille.
Mostarda Dijon e l´ancienne da Maille.

Como Fazer o Molho de Mostarda Dijon:

 

  • Deixe o béchamel pronto em uma panela grande.
  • Em outra panelinha coloque o vinho e ferva até o álcool evaporar (1 minutinho, coisa rápida). adicione a onion piquet e as mostardas e ferva mais um pouquinho, até encorporar tudo.
  • Retire e descarte a onion piquet e transfira a mistura de vinho e mostardas para a panela do béchamel.
  • Adicione os cremes de leite e ferva por 5 minutos, ou até encorpar o molho.
  • Tempere com sal, pimenta e noz moscada.
  • Se estiver usando o provolone, desligue o fogo, adicione o queijo, e mexa bem até que o queijo se derreta e encorpore bem ao molho.

 

Dicas de Como Fazer Medalhão de Mignon Grelhado:

 

  • Algumas horas antes, tempere a carne com o alho, ervas, um fio de azeite de oliva e pimenta do reino. Esse passo é opcional, caso não faça questão de agregar mais sabor com as ervas e o alho, pode grelhar a carne conforme os passos seguintes e temperar apenas com sal e pimenta.
  • Passe por um plástico filme e reserve na geladeira. Retire a carne 30 minutos antes de começar a fazer.
  • Esquente muito bem uma frigideira funda ou panela antiaderente, até sair fumacinha.
  • Sele os medalhões dos dois lados: para isso, basta colocar na frigideira bem quente (sem óleo), não mexer, e virar apenas quando o lado de baixo estiver com uma crostinha bem dourada.
  • Coloque os temperos por cima da carne enquanto estiver selando, nesse momento você pode adicionar uma colher de manteiga, se desejar.
  • Após selar todos os medalhões, adicione o sal na carne e reserve. Sempre coloque o sal apenas depois de selar a carne, isso faz com que não desidrate e perca sucos e maciez.

 

Espero que tenham gostado.

 

Beijos, 

Bru.

 

Leia Mais

27 set. 2016

Spaghetti Caseiro com Molho de Limão Siciliano, Aspargos e Parma

 

Fiz esse Spaghetti Caseiro para uma amiga que estava com vontade de comer um prato com o presunto de Parma e aspargos, e é claro, experimentar a massa fresca que eu tanto tenho me aventurado.

 

É legal dizer que o presunto de Parma usei dos dois jeitos: Fresco misturado no molho, e Crocante para finalizar a massa.

 

Essa receita de macarrão caseiro foi uma das minhas preferidas até agora (leia mais em Diário de Massa Fresca), depois dela só tive uma receita campeã, que na verdade é super parecida com essa aqui, mas por levar apenas gemas, essa outra fica bem amarelinha e foi a minha preferida até agora.

 

Spaghetti Caseiro com Molho de Limão Sicliano, Aspargos e Parma
Spaghetti Caseiro com Molho de Limão Sicliano, Aspargos e Parma

 

Ingredientes para o Spaghetti Caseiro

 

Para 6 pessoas:

  • 420g de farinha de trigo (uso 00 italiana)
  • 180g de sêmola (gosto da Divella, também italiana)
  • 4 ovos inteiros
  • 6 gemas

Como Fazer o Spaghetti Caseiro

 

  • Misturar todos os ingredientes. Eu tenho uma batedeira que comporta massas pesadas, então misturei nela, primeiro com o batedor plano e depois com o gancho.
  • Se você não tem, faça um montinho com a farinha e a sêmola, “cave” um buraquinho no centro e coloque as gemas. Com o auxílio de um garfo misture de dentro para fora.
  • Sove em uma bancada enfarinhada entre 5 e 10 minutos, até a massa estar bem lisa e homogênea. OBS: Pode dividir e sovar metade de cada vez para ficar mais fácil, acho que fica menos pesado.
  • Faça uma bolinha e embale em plástico filme.
  • Deixe descansar por 30 minutos. Se estiver muito calor deixe na geladeira. – Geralmente eu deixo os primeiros 15 minutos na geladeira e mais 15 fora.
  • Agora você pode abrir e cortar a massa como quiser/puder: cilindro + máquina, rolo + faca, depende do que você tem.
  • Eu não abri a massa, fiz bolinhas do tamanho de bolas de golf (rsrs) e passei pelo cortador de Spaghetti do meu Pasta Press, acessório que acoplo na minha batedeira da Kitchenaid.

 

Spaghetti Caseiro: Passando pelo Pasta Press da Kitchenaid
Spaghetti Caseiro: Passando pelo Pasta Press da Kitchenaid

 

Ingredientes para o Molho de Limão Siciliano, Aspargos e Parma:

 

  • 500 ml de leite integral
  • 500 ml de creme de leite fresco (aquele que fica refrigerado)
  • 1 cebola picadinha
  • 2 dentes de alho picadinhos
  • Um fio de azeite de oliva
  • 25g de manteiga
  • 25g de farinha de trigo
  • Raspas e suco de 2 limões sicilianos
  • 1 maço de aspargos (verde e fresco)
  • 150 a 200 g de Presunto de Parma (ou Serrano, não importa, desde que seja Presunto Cru tipo Parma)
  • Noz Moscada
  • Sal
  • Pimenta do Reino
  • Salsinha bem picadinha para finalizar
  • Queijo Parmesão ou Grana Padano Ralado para servir a parte

 

Como Fazer o Molho de Limão Siciliano, Aspargos e Parma:

 

  • Lave os aspargos, corte e descarte a parte mais branca do talo. (Ou guarde para fazer Caldo Caseiro)
  • Corte os aspargos em rodelas não muito finas, de mais ou menos 1 ou 2 cm.
  • Vamos Branquear os aspargos: ferva uma água com sal e coloque-os nela por 30 segundos. Rapidamente, escorra e leve os aspargos para uma água bem gelada, com gelo. Reserve. Você pode guardar a água que cozinhou os aspargos para cozinhar a massa.
  • Derreta a manteiga com o azeite de oliva e doure o alho e a cebola.
  • Coloque a farinha e mexa até dourar um pouco.
  • Adicione o leite aos poucos, mexendo bem com um fouet. É o mesmo passo a passo do Molho Branco, mas vamos colocar metade creme de leite, e outros temperinhos.
  • Quando colocar todo o leite, cozinhe por alguns minutos, até encorpar.
  • Bata no liquidificador e volte para a panela. Esse passo é opcional, eu bati porque queria um molho bem lisinho, sem pedaços.
  • Adicione o creme de leite, sal, pimenta, noz moscada.
  • Ferva até atingir a consistência desejada, nem muito fininho, nem muito grosso.
  • Na hora de servir, adicione ao molho metade do presunto de Parma cru “rasgado” em lascas, os aspargos, o suco e as raspas do limão. Atenção: Coloque o limão apenas na hora de servir mesmo, pois ele pode talhar o molho se colocado antes.
  • Cozinhe o macarrão até ficar al dent, cerca de 40 segundos ou 1 minuto (massa fresca cozinha rápido demais). Escorra e reserve 1 copo da água do cozimento.
  • Misture a massa já cozida ao molho, adicionando água do cozimento aos poucos, caso necessário.
  • Finalize com a salsinha bem picadinha e Crispy de Parma.
  • Sirva com queijo ralado a parte.

 

Para o Crispy de Parma:

 

  • Opção 1: Forre um prato grande e raso com duas folhas de papel toalha. Coloque as fatias presunto de parma lado a lado, em cima do papel toalha. Cubra com mais duas folhas de papel toalha. Leve ao micro-ondas por 3 minutos (varia de aparelho pra aparelho) em potência máxima. Pronto, agora é só esfriar um pouquinho e quebrar com as mãos! OBS: Precisa ser um papel toalha de ótima qualidade. Aqui em casa eu uso Snob, já fiz com outro e grudou TUDO!

 

  • Opção 2: Em uma forma (eu uso antiaderente, mas já fiz na de alumínio e deu certo também) coloque as fatias de presunto de parma lado a lado. Leve ao forno médio pré aquecido e deixe até ficar crocante. Cuidado para não queimar: quanto mais fininhas forem as fatias de presunto, mais rápido fica pronto. Deixe esfriar um pouco e quebre com as mãos.

 

Ufa! Essa receita dá um pouquinho mais de trabalho mesmo, mas tenho certeza que vai impressionar seus convidados ou família!

 

Beijos, 

Bru.

 

 

 

Leia Mais

24 set. 2016

Le Creuset: Minha grande paixão e (pequena) coleção

 

Ah, Le Creuset… (suspirinhos…), por onde começar?!

 

As panelas mais famosas do mundo, feitas de ferro fundido e esmaltadas começaram a ser fabricadas (primeiramente em pequena escala) por dois produtores belgas em 1925 na França, precisamente em Fresnoy Le Grande, uma pequena cidade no norte do país. Conheça mais um pouquinho do histórico aqui.

 

Le Creuset: Minha coleção
Le Creuset: Minha coleção

 

5 anos depois, o desenvolvimentos dos produtos se ampliou com travessas e utensílios de cozinha, e desde então, para a nossa sorte e encantamento a marca só cresceu. Hoje é cabível dizer que a panela de ferro fundido é sim a grande estrela da Le Creuset (se pronuncia Lê Crusê) mas que é bem verdade que a infinidade de produtos que a marca dispõe hoje encanta “gourmets” e apaixonados por decoração, ahhhh, isso é!

 

Para vocês terem uma ideia, além das panelas de ferro fundido hoje são fabricadas linhas em aço inox, aço esmaltado, antiaderentes. Isso só na parte de panelas, pois também tem travessas de aço fundido e esmaltado, chaleiras, formas para assar, travessas e utilidades em cerâmica, acessórios para vinho, colheres e utensílios de silicone, livros, imãs de geladeira, e até guarda chuvas! Para conhecer a linha toda, vale a pena dar uma namorada no site da marca (programa frequente meu! Rsrs).

 

Como muitas leitoras pediram para ver minha coleção, fotografei com muito carinho para vocês, e vamos falar mais um pouquinho sobre a marca e cada produto enquanto vemos as fotos da

 

Minha coleção Le Creuset

 

Le Creuset: Minha coleção
Le Creuset: Minha coleção

 

Como vocês podem ver eu comecei com a linha laranja, que até hoje acho a mais perfeita. Mas com tantas cores lindas achei uma pena me limitar a uma cor só e comecei a colorir um pouco, então minhas ultimas aquisições foram na cor azul caribe. Muitas dessas coisas ganhei da minha família no meu Chá de Panela, outras trouxe da minha lua de mel (na Flórida), outras comprei na loja aqui de Curitiba. Conforme for mostrando, digo de onde é, tá bom?

 

A Panela de Ferro Fundido e Esmaltado

 

Le Creuset: A panela de ferro fundido e esmaltado
Le Creuset: A panela de ferro fundido e esmaltado

 

Essa minha panela é da linha mais clássica: De ferro fundido e esmaltado. Ela é tamanho 30, originalmente veio com um pegador preto de plástico, mas eu troquei por esse de inox para poder levar a temperaturas altas e por mais tempo. Essa eu trouxe da minha lua de mel, comprei no Sawgrass Mills do ladinho de Miami. Imagina eu carregando essa panela pra lá e pra cá na minha lua de mel… kkkkkkkkk meu marido não acreditava… Rsrs

(mais…)

Leia Mais

Página 1 de 3123